sexta-feira, 19 de setembro de 2008

Falando de AMOR

“Sentimento que predispõe alguém a desejar o bem de outrem, ou de alguma coisa. Sentimento de dedicação absoluta de um ser a outro ser ou a uma coisa; devoção, adoração. Inclinação ditada por laços de família... Afeição, amizade, carinho, simpatia, ternura.” (Dicionário Aurélio).

Ela olha para ele com adoração.
Embevecidamente, mergulha seus olhos nos dele.
Perde-se naquele ser que é como uma extensão dela...
Como o ama!
Mais do que a si mesma.
Mais do que à vida.
Não concebe o mundo sem aquele amor.
De repente, ele grita, como a exigir atenção mais efetiva do que afetiva:
sua fralda está molhada.
Edna Farias.

Um comentário:

Vivianne disse...

Realmente amar é desejar o bem de outrem... mas às vezes nosso amor é tão egoísta que só amamos pensando em possuir esse nosso "objeto" de desejo... Estou adorando seu blog. bj